segunda-feira, janeiro 07, 2008

Isaura se corrompeu

Isaura se corrompeu, ela que era tão digna se deixou persuadir por aquele calhamaço de dinheiro, mesmo casada, ela se deitou com aquele enfadonho senhor, anojada, mas enfeitiçada, ao invés do odor do homem, ela sentia o cheiro das notas, aquilo entrava em suas narinas com mais fúria do que aquele corpo, naquela hora pouco importava a moral, a aliança, ou os bons costumes, o que valia era a vontade de se dar ao luxo de ter luxo, mesmo que para isso se envolvesse no lixo, no esgoto, e era o que acontecia sempre que se entregava aos beijos daquele homem, enfim a noite acabou, o ser sumiu, assim como a lua, a dignidade dela também se foi ficando só o dinheiro.

3 Comentários:

Às terça-feira, 8 de janeiro de 2008 17:41:00 BRST , Blogger David disse...

A PERGUNTA QUE NAO QR CALAR: QM ÉS ISAURA? BJS

 
Às quinta-feira, 31 de julho de 2008 16:06:00 BRT , Blogger Phoenix disse...

Bem Geni e o Zepelim, isso. Gostei.

 
Às quarta-feira, 6 de julho de 2011 00:12:00 BRT , Blogger Victor Grindler disse...

Reitero a pergunta do Davi: Quem é Isaura?
Fora isso, é um parágrafo bem construído literariamente.
Ps: Estou esperando a resposta.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial