quarta-feira, março 19, 2008

a paixão é um componente suicida

A paixão é um componente suicida,
Quando eu me matar por sua causa,
Garanto que vai valer a pena.

Pelo carinho dado,
Pelos versos mal traçados com você minha inspiração,
Quero me dilacerar,
Me cortar todo,
Jorrar o sangue vermelho da nossa paixão,
Ouvir e sentir o tiro estridente da minha arma (eu):
Gritando seu nome,
Cochichar nossas indecencias,
Entranhas minhas e suas virarem nossas.

Me sufocando por ter certeza que isso tudo é paixão,
E quando viver de novo...
Nosso sentimento não existira,
Mas quem disse que não era essa a intenção?
Morrer por você e quando for pra viver que seja por ninguem.

Por isso eu gosto de morrer tantas e tantas vezes!!

~x~x~x~x~x~x~x~x~

Apesar dessa poesia ter sido feita por mim tenho que contar uma coisa...
Até gosto de paixão, mas prefiro muito mais o amor, hehehe.

Marcadores: , ,

17 Comentários:

Às quarta-feira, 19 de março de 2008 18:06:00 BRT , Blogger Eduardo disse...

Cada vez mais profundo, cada vez mais apaixonante!

Perfeita Rô!

 
Às quarta-feira, 19 de março de 2008 18:10:00 BRT , Blogger PH disse...

olha sohhhhhhhhhhhhhhhh
Adorei xD
ja vou add aos favoritos ok :)

 
Às quarta-feira, 19 de março de 2008 21:13:00 BRT , Blogger David disse...

olha só eu concordo com seus amigos, é grande a difereça de seus poemas antigos pra esses mais recentes, continue assim que esta no caminho. muita pratica e paixão para você perseguir tua poesia amigo! ehehehhehe, ou nao.
como preferir...
bj

 
Às sexta-feira, 21 de março de 2008 19:31:00 BRT , Anonymous Viny disse...

Cada dia mais talentoso esse meu amigo...

 
Às sexta-feira, 21 de março de 2008 19:41:00 BRT , Blogger R. Rocha disse...

Não só essa poesia, mas outras do blog: Que lindo, Dog! Vc tem uma sensibilidade incrivel pra passar isso para as palavras... um la Almodovar na poesia, que de uma forma sutil mostra o essencial!

 
Às sexta-feira, 21 de março de 2008 20:02:00 BRT , Anonymous Henrique disse...

Cada um tem seu conceito sobre paixão e amor....eu acho que um é consequência do outro....mas enfim....lindo texto migow!!!!

Bom saber que voltou à net, de algum modo!!!rsrsrsrs

Bjãozão

 
Às sábado, 29 de março de 2008 16:06:00 BRT , Anonymous Anônimo disse...

Poesias de extremas sensibilidades, clareza e expressividade, tais poesias que causam arrepio e falam a verdade, mexem com os nossos sentidos e despertam emoção!!!
Talentos são para poucos e vc está entre eles!!!
Parabéns, rô... me orgulho de ter como amigo e como um poeta!!!
Olan :)

 
Às sábado, 5 de abril de 2008 17:27:00 BRT , Blogger Meu cantinho 2 disse...

" Paixãoooooooooooo,oh paixão ... "

Lembrei dessa música do Alceu Valença ao ler seu post.
Ficou show Rô !!!!

Beijos e te adoro :)

 
Às domingo, 6 de abril de 2008 00:28:00 BRT , Anonymous Rodrigo disse...

eita nooois... =)

paixão ooooh coisa q da trabalho né???

gostei doguito!!!

se cuida

bye

 
Às quinta-feira, 10 de abril de 2008 10:21:00 BRT , Blogger Chico Ribas disse...

Fala Rodrigo. Lindo isso. Eu tenho um blog só de poesias e contos. Cada vez tem um tema. O tema da vez ainda é o suicídio. Quer colocar esse poema lá?

bjs

 
Às terça-feira, 22 de abril de 2008 19:25:00 BRT , Blogger Gui disse...

Estive aqui e gostei muito da Doglândia e do seu coração!

abração

 
Às quarta-feira, 14 de maio de 2008 15:38:00 BRT , Blogger Mans, André disse...

amor é sangue q jorra

 
Às domingo, 13 de julho de 2008 17:37:00 BRT , Anonymous Vi disse...

antes tarde do k nunka...
finalmente vim a conhecer esse seu lado k me deslumbra;
não de um menino sapeka k me irrita,
mas de um homem encantador k me conkista!

Bjão

 
Às quinta-feira, 31 de julho de 2008 15:09:00 BRT , Blogger clarbog disse...

isso é total sensibilidade que me faz repensar nas coisas que vivi me identificando com tudo isso que foi escrito, parece que estou voltando no tunel do tempo

adoguei

bjaum

 
Às quinta-feira, 31 de julho de 2008 15:56:00 BRT , Blogger Phoenix disse...

Paixão é veneno, amor é o remédio. A paixão chega para nos desestabilizar, nos confundir, nos tirar do eixo... E mesmo assim, tantos confundem com amor... Só que o amor é tão diferente! Creio que quando se confunde paixão com amor, não se conheceu verdadeiramente o amor. E eu conheci, mais do que deveria...

 
Às quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009 17:45:00 BRST , Blogger Gê Pires disse...

Gostei mor...
a paixão realmente destrói, ou serve pra unir de vez ou pra separar de vez, por isso que é melhor ninguém arriscar. E viva o amor! hehehe

 
Às domingo, 11 de julho de 2010 07:22:00 BRT , Blogger TH disse...

A paixão é aquele sentimento que incendeia, é expansivo mas quanso ferve, te leva junto. Paixões são perigosas e irresistíveis, um convite ao deleite. Tb prefiro o amor. ;)

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial